Tech Blog

Ransomware: como funciona o “vírus sequestrador” que exige resgate

Na madrugada desta sexta-feira (10), sites e aplicativos do Ministério da Saúde (MS) apresentaram instabilidade após um ataque de hackers aos sistemas da pasta. A invasão, reivindicada por uma organização chamada “Lapsus$ Group”, tirou páginas do MS do ar e gerou um apagão de dados no ConecteSUS, que tem sido utilizado por muitos brasileiros como comprovante de vacinação contra a Covid-19. O grupo hacker colocou um banner no site do órgão para informar que o ataque se trata de um ransomware, situação em que criminosos instalam um vírus para roubar dados e exigir um resgate para devolvê-los. Segundo eles, foram copiados e excluídos 50 terabytes de dados internos, que poderiam ser recuperados mediante contato pelo Telegram ou por um endereço de e-mail. Mas, de acordo com o especialista em segurança cibernética Rafael Narezzi, é preciso verificar quais foram os prejuízos reais nos sistemas antes...

macOS Big Sur: 10 dicas para usar as novidades apresentadas

O macOS Big Sur é um sistema operacional poderoso, bonito e elegante no mundo dos computadores. O look&feel Apple está presente nos mais diversos detalhes, pormenores gráficos e mecânicos que o sistema apresenta. Além disso, por trás do aspeto, a empresa de Cupertino equipou o macOS Big Sur com ótimas funcionalidades. Depois de ter sido lançado, o novo sistema operacional da Apple revela-se e mostramos algumas funcionalidades.
macOS Big Sur é bonito e poderoso
A Apple quer uniformizar a linha gráfica dos seus vários sistemas operacionais. Como tal, desde o iOS, iPadOS, watchOS, tvOS até ao macOS, as ferramentas, funcionalidades e design estão cada vez mais homogéneas. Para além do aspeto, o macOS Big Sur traz algumas novidades de gestão, melhoramentos de segurança e privacidade no Safari, assim como outras particularidades. É sobre isso que hoje nos vamos...

Instituto israelense desenvolve uma máscara facial auto-desinfetante que mata o Coronavírus

O uso da máscara facial foi adotado pelas autoridades de saúde em muitos países como um meio eficaz de impedir a disseminação do coronavírus . Desde que o flagelo se tornou uma pandemia, as máscaras faciais têm sido muito procuradas em vários países e surgiram várias novas tecnologias destinadas a promover o uso seguro e confortável das máscaras faciais. Pesquisadores israelenses do Instituto Israelense de Tecnologia - Technion desenvolveram uma máscara que pode ser limpa e reutilizada usando a corrente elétrica de um carregador de celular. A máscara é desenvolvida pela Faculdade de Ciências e Engenharia de Materiais da empresa e é apontada como capaz de aniquilar patógenos que podem se acumular na superfície da máscara. Diz-se que é eficaz contra a cepa do Coronavírus que causa o COVID-19.